Anunciada por Wanderlei Barbosa, obra de recuperação das estradas que ligam Palmas ao Jalapão avança e segue para etapa final

Tempo estimado para leitura: 5 minuto(s)


Mais de 40 km de asfalto novo, essa já é uma realidade que pode ser usufruída pela população da região de Palmas até o município de Santa Tereza do Tocantins. Outro trecho, mais de 23 km, que liga a cidade até Lagoa do Tocantins, segue também com obras quase concluídas. O Governo do Tocantins, por meio da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto), está recuperando vias estaduais por todo o Estado e esses dois pontos fazem parte desse projeto de recuperação asfáltica. Santa Tereza do Tocantins e Lagoa do Tocantins dão acesso à região do Jalapão para quem sai da capital em direção ao Parque Estadual no município de Mateiros.

As melhorias começam logo no perímetro urbano da Capital, onde a via já está totalmente recuperada, sendo este o trecho da TO-030, que estende de Taquaralto, em Palmas, até o distrito de Taquaruçu, compreendendo 17 km de asfalto novo. O plano do Governo do Tocantins em recuperar a malha asfáltica das vias estaduais de Palmas até a área do Jalapão, já está em execução, sendo que trechos nas cidades de Santa Tereza do Tocantins e Lagoa do Tocantins estão em processo de conclusão.

-- Publicidade --

-- Publicidade --

O Governo do Tocantins destinou R$ 700 milhões para o projeto de recuperação asfáltica em 30 trechos em todo o Estado. Para o governador Wanderlei Barbosa, a recuperação dessas vias que ligam Palmas a uma importante área do Tocantins, que é o Jalapão, representa o compromisso da gestão com serviços de infraestrutura.

“Não queremos o Estado focado apenas nos polos específicos como Palmas, Araguaína e Gurupi, queremos que todo o território tocantinense se interligue. A recuperação de vias é ponto forte em nossa gestão e é prioridade agilizar os serviços na área que liga a capital, e outras cidades, ao Jalapão, pois isso garante aquecimento no comércio com o turismo”, afirma Wanderlei Barbosa.

Para o titular da Secretaria de Estado da Infraestrutura, Cidades e Habitação (Seinf) e presidente da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto), Márcio Pinheiro, as obras em andamento comprovam a prioridade na recuperação asfáltica de vias e representam melhorias imediatas para a população.

“As estradas que ligam todas as cidades de um Estado integram uma das áreas mais democráticas de qualquer gestão. Para a população, representam bem-estar, segurança, melhor fluxo e qualidade de vida. Vamos diminuir acidentes e garantir o ir e vir, além de gerar renda, contribuindo, assim, com a economia”, enfatiza o secretário Márcio Pinheiro.

Fortalecimento do turismo

A via estadual TO-030, que se estende de Palmas até a cidade de Santa Tereza do Tocantins, está com os serviços de reforma avançados. São mais de 40 km de asfalto novo, que segundo o prefeito da cidade, Antônio Campos, já trazem benefícios evidentes para a população, não só do município, mas também de outras localidades.

“Graças a Deus, o Governo do Tocantins priorizou essa região, que fica perto da capital e liga a pontos turísticos do Estado. Estávamos precisando dessa reforma, pois todos saímos ganhando, antes tínhamos muitas despesas com os veículos da prefeitura que viviam quebrados por conta da via que era precária. Agora, a realidade é outra”, ressalta o prefeito.

O engenheiro Erieldo Bezerra Leão, que mora em Palmas, presta serviço para algumas cidades da região. Ele usa a via com frequência e afirma que a reforma não ajuda somente na flexibilidade no trabalho, mas também no turismo e no lazer.

“Utilizo bastante essa via. Precisamos de segurança ao trafegá-la, vendo essa reforma creio que ajuda muito esse fluxo e acaba facilitando a ida para cidades do Jalapão, já que é caminho. Portanto, eu acredito que o turismo também melhore”, frisa o engenheiro.

Giro econômico em cidades da região

A economia também tem um giro considerável com essas reformas, pelo menos é o cenário que já é desenhado na cidade de Lagoa do Tocantins, que também está no plano de recuperação asfáltica, conforme o prefeito da cidade, Leandro Fernandes Soares.

As obras compreendem o trecho que liga o município de Santa Tereza do Tocantins até Lagoa do Tocantins, contemplando 23,8 km da TO-247. A área segue ainda com os serviços, que, mesmo não estando totalmente finalizados, já apresentam impactos positivos para moradores da região.

“Já fizemos um levantamento e, só com essa etapa de estruturação, nosso comércio já alavancou mais de 30%, desde posto de combustível, até mesmo para o pequeno comerciante, houve um aumento em seus negócios. Com a reforma da estrada, o fluxo aumenta. Aqui é caminho para o Jalapão e acaba sendo um ponto de apoio. Agradecemos ao Governo do Tocantins por essa atenção”, afirma o prefeito Leandro Fernandes Soares.

Os comerciantes confirmam tais dados. Um deles, Isaak Neto Barbosa garante que, desde que as obras avançaram, as vendas aumentaram consideravelmente. Ele tem um pequeno mercado, que antes funcionava em outro ponto da cidade. Hoje, o seu comércio fica no centro de Lagoa do Tocantins e essa mudança aconteceu em meio às obras da TO-247.

“Fiquei um pouco inseguro, porque meus clientes já estavam acostumados com o ponto antigo. Mas, ao mudar me surpreendi. Antes, minhas vendas eram menores comparando com hoje e eu vejo aqui um fluxo muito maior de clientes, não só pela localidade, mas por conta do aumento de clientes graças à recuperação da via. Meus colegas, comerciantes vizinhos, falam o mesmo”, afirma Isaak Neto Barbosa.

O presidente da Ageto, Márcio Pinheiro, confirma também que, em breve, as obras serão finalizadas. Nos trechos entre Palmas, Santa Tereza do Tocantins e Lagoa do Tocantins, 70% dos serviços já foram concluídos.

“Avançamos nas obras, pois falta pouco para concluir tudo. Nós dependemos de condições climáticas, mas temos pontos que só estão faltando as pinturas das sinalizações, como no trecho de Taquaruçu. Estamos trabalhando para que, no mais tardar, em março do ano que vem, tudo esteja completamente concluído”, enfatiza Márcio Pinheiro.

você pode gostar também
×