SP, BH e Porto Alegre podem receber 5G ainda em julho, diz superintendente da Anatel

Vinicius Caram afirmou que, para que seja possível a liberação do sinal, as cidades devem estar com os preparativos concluídos

Tempo estimado para leitura: 2 minuto(s)


Em entrevista à CNN, nesta quarta-feira (6), Vinicius Caram, superintendente de outorga da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), afirmou que as cidades de São Paulo, Belo Horizonte e Porto Alegre podem receber o sinal do 5G ainda no mês de julho, desde que todos os preparativos estejam concluídos.

-- Publicidade --

-- Publicidade --

“Se, todas as atividades estiverem concluídas, talvez tenhamos novidades para liberar essas cidades ainda no mês de julho e as próximas capitais no mês de agosto. Mas queremos levar o 5G para todas as cidades brasileiras. Começando pelas capitais, depois as cidades acima de 500 mil habitantes e depois as cidades acima de 200 mil habitantes, até concluirmos o cronograma”.

Nesta quarta-feira, a tecnologia 5G chegou a Brasília, a primeira cidade do país a receber a tecnologia “full 5G”, que é a experiência completa desse sinal. A expectativa é que todas as capitais estejam com a tecnologia liberada até 29 de setembro.

Além disso, Caram avaliou o primeiro dia do 5G em Brasília. O superintendente considerou como “uma experiência muito boa”.

“O potencial do 5G vai além do usuário, ele vai para a indústria, telecomunicações. A conectividade é a base de crescimento econômico do país. Esperamos que o 5G traga crescimento de 1% ao PIB e crescimento para o agronegócio de mais de R$ 100 bilhões no curto prazo”, afirmou.

Hoje, em algumas cidades do Brasil, utiliza-se o padrão Compartilhamento Dinâmico de Espectro (DSS, da sigla em inglês), que apesar de oferecer uma melhor qualidade, usa a frequência já existente do 4G, que é o que acontece na maioria dos países, de acordo com a Ookla, empresa responsável por analisar as métricas de desempenho de acesso à internet no mundo.

Dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) mostram que 67 modelos de celular estão aptos a realizar a conexão com a rede 5G.

Veja mais no vídeo acima.

Fonte cnnbrasil
você pode gostar também
×