PEC será entregue à tarde, com prazo de 4 anos para Bolsa Família, diz senador

Segundo ele, o valor de R$ 175 bilhões é imprescindível para o governo eleito

Tempo estimado para leitura: 1 minuto(s)


O senador Paulo Rocha (PT-PA) confirmou na manhã desta quarta-feira, 23, que o texto da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da transição será entregue à tarde ao Senado e terá escrito um prazo de quatro anos para que o Bolsa Família fique fora do teto de gastos.

Segundo ele, o valor de R$ 175 bilhões é imprescindível para o governo eleito.

-- Publicidade --

-- Publicidade --

“Vamos deixar as PEC paralelas de lado e vamos trabalhar a nossa”, afirmou Rocha, ao chegar ao Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB), onde funciona o governo de transição.

Fonte infomoney
você pode gostar também
×