Gestores do Estado e de Palmas discutem convergência de políticas públicas para o turismo

Tempo estimado para leitura: 2 minuto(s)


Apesar de ser a porta de entrada para as demais regiões turísticas do Estado e contar com forte rede hoteleira, praias estruturadas e os atrativos naturais de Taquaruçu, Palmas ainda registra um volume de visitas aquém de todo o seu potencial. Em busca de um maior diálogo entre as gestões estadual e municipal, e do alinhamento de estratégias conjuntas, o presidente da Agência do Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc), Jairo Mariano recebeu nesta terça, 23, o presidente da Agência de Turismo de Palmas (Agtur), Márcio Neres.

Durante a reunião, que contou com a participação da superintendente de Desenvolvimento do Turismo do Estado, Maria Antônia Valadares, e a diretora de Estruturação Turística de Palmas, Ana Rúbia Macedo, os gestores falaram do desafio de aumentar o tempo de permanência dos viajantes na cidade, que garantiria o aumento de renda local.

“Acreditamos no controle da pandemia e, com uma futura abertura sanitária precisaremos estar articulados para potencializarmos nossas ações”, pontuou Mariano, ao demonstrar preocupação com o desenvolvimento do turismo na Capital. Uma das ações previstas pela Adetuc para este ano é o lançamento de um catálogo de pesca esportiva do Estado, que inclui Palmas, onde várias empresas já comercializam pacotes voltados ao segmento.

“Este diálogo entre as duas pastas só tem a somar, poderemos desenvolver muitos projetos em parceria”, ressaltou Márcio Neres. Segundo Ana Rúbia, uma das ações a serem desenvolvidas pela Agtur é a captação de eventos de pequeno porte, para ocupação do Centro de Convenções Arnaud Rodrigues a partir da flexibilização dos protocolos de prevenção à Covid-19.

Fonte conexaoto
você pode gostar também