Brasil registra 922 mortes por covid-19 em 24h; total passa de 129 mil

De acordo com o consórcio de imprensa, a média móvel de casos teve uma queda de 29%, a maior desde o início da pandemia

Tempo estimado para leitura: 2 minuto(s)


O Brasil tem 129.575 óbitos e 4.239.763 casos confirmados de covid-19, segundo o levantamento dos veículos de imprensa junto às secretarias estaduais de Saúde e divulgado nesta quinta-feira, 10.

O balanço, atualizado às 20 horas, mostra que no período de um dia foram registradas 922 vítimas e 40.431 testes reagentes para o coronavírus.

Os dados são compilados pelo consórcio de imprensa que reúne UOL, Folha de S.Paulo, O Estado de S. Paulo, O Globo, G1 e Extra.

A média móvel, que contabiliza o número de óbitos da última semana, é de 692, uma queda de 21% comparando com 14 dias atrás. A média de casos está em 27.659, uma variação de -29% em relação aos infectados registrados há 14 dias. É a maior queda desde o início da pandemia.

Bahia deve começar testes de vacina russa em um mês

O governo da Bahia assinou um protocolo de confidencialidade, na terça-feira, 8, para participar da fase 3 de testes da vacina russa contra a covid-19. Este é o primeiro passo para abrir caminho com o objetivo de ter acesso às doses do imunizante e uma eventual produção local. O governo do Paraná também tem um acordo com o instituto russo Gamaleya.

De acordo com o governador Rui Costa (PT), o estado deverá receber 500 doses para testes, assim que obtiver autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A expectativa é que a testagem comece em outubro e seja feita dentro do estado.

Na semana passada, os primeiros resultados da vacina foram divulgados na prestigiada revista científica The Lancet. Segundo o estudo, a chamada Sputnik V foi capaz de induzir resposta imune nos voluntários e se mostrou segura nos testes de fase 1 e 2.

Fonte exame
você pode gostar também