Atletas e comissões técnicas olímpicos do Brasil serão vacinados

Vacinas da Pfizer e da CoronaVacDoses doadas por farmacêuticasSerão 1.814 pessoas vacinadas

Tempo estimado para leitura: 2 minuto(s)


O Brasil vai vacinar os atletas e as comissões técnicas do país que irão participar dos Jogos Olímpicos de Tóquio. A medida foi anunciada nesta 3ª feira (11.mai.2021) pelo ministro da Saúde Marcelo Queiroga.

O ministro afirmou que a vacinação dos esportistas não irá atrapalhar o calendário do PNI (Plano Nacional de Imunização). As 1.814 pessoas que serão vacinadas utilizarão doses doadas pelos laboratórios da Pfizer e da Sinovac, que produz a CorovaVac.

Temos doses suficientes para imunizar nossos atletas e ainda reforçar o Plano Nacional de Imunização”, afirmou Queiroga. Serão 4.050 doses da Pfizer e 8.000 da Sinovac.

A doação de vacinas faz parte da estratégia do COI (Comitê Olímpico Internacional) para imunizar todas as delegações que vão participar dos Jogos. Também serão imunizados todos os que irão acompanhar as delegações esportivas. Isso inclui jornalistas, árbitros e técnicos antidoping.

 

 

A vacinação deve começar na 4ª feira (12.mai) nas cidades de Fortaleza, São Paulo e Rio de Janeiro. Em Porto Alegre e no Distrito Federal também haverá imunização de atletas e trabalhadores olímpicos, mas apenas a partir de 17 de maio.

As Olimpíadas de Tóquio estão programadas para começar em 23 de julho. O evento deveria ter sido realizado em julho de 2020, mas foi adiado pelo agravamento da pandemia da covid-19.

Atualmente, Tóquio está sob estado de emergência por causa do coronavírus. As medidas de restrições devem durar até o final de maio.

Como parte das regras do evento, os atletas realizarão testes diários de covid-19. Outras pessoas diretamente envolvidas nos Jogos serão testados diariamente por 3 dias depois de chegarem ao país e, em seguida, farão testes regulares.

Além disso, as delegações devem, antes do embarque para o Japão, realizar 2 testes para a doença. Ao chegar em Tóquio, não poderão utilizar o transporte público da cidade.

Fonte poder360
você pode gostar também