Tebet “cumpriu papel importante”, diz Helder Barbalho em ato de apoio a Lula

Governador reeleito do Pará participou de reunião do candidato do PT com governadores das regiões Norte e Nordeste

Tempo estimado para leitura: 2 minuto(s)


O governador reeleito do Pará, Helder Barbalho (MDB), confirmou nesta quarta-feira (5) que apoiará o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no segundo turno das eleições nacionais contra Jair Bolsonaro (PL). Mais cedo, o próprio Lula havia anunciado que recebera o apoio de Helder.

Lula teve um encontro com governadores das regiões Norte e Nordeste na cidade de São Paulo. Além de Helder, participaram outros sete governadores: Rui Costa (PT-BA), Carlos Brandão (PSB-MA), Clécio Luís (Solidariedade-AP), Paulo Câmara (PSB-PE), Paulo Dantas (MDB-AL), João Azevedo (PSB-PB) e Regina Sousa (PT-PI). A governadora do Ceará, Izolda Cela (PDT), foi convidada, mas não compareceu.

-- Publicidade --

-- Publicidade --

O governador do Pará, reeleito com mais de 70% dos votos válidos (3,1 milhões), fez uma deferência à candidata do MDB à Presidência da República, Simone Tebet, que declarou apoio a Lula.

“Simone cumpriu um papel absolutamente importante no primeiro turno, elevando e qualificando o debate, representando de maneira honrosa a história do MDB”, disse Helder. “Fico feliz de vê-la dialogando com o senhor [Lula] e com Alckmin e ver incorporadas ao plano de governo teses e programas estratégicos.”

Helder citou nomes históricos do MDB, como Ulysses Guimarães e Teotônio Vilela, para destacar o compromisso da legenda com a democracia.

“São valores determinantes para o nosso MDB, que tem na figura de Ulysses e Teotônio líderes que fizeram da defesa da democracia uma causa que nos une”, afirmou Helder.

O governador paraense é filho do senador Jader Barbalho, outro aliado de Lula, que também esteve presente na reunião.

Fonte infomoney
você pode gostar também
×