Prisão antecipada pode cair ainda este mês, segundo Toffoli

Tempo estimado para leitura: 1 minuto(s)


O presidente do STF, Dias Toffoli, poderá confirmar ainda para este mês o julgamento de duas ADC’s 43 e 44 (ações declaratórias de constitucionalidade) que versam sobre a antecipação da pena para condenados em segunda instância.

-- Publicidade --

-- Publicidade --

As medida poderão beneficiar milhares de presos brasileiros, dentre os quais o ex-presidente Lula que cumpre pena antecipada há 542 dias. Aliás, ele é um preso inconstitucional.]

O petista é considerado preso político porque, além de não haver o trânsito em julgado, o juízo de piso que o condenou não apresentou provas e ainda combinou com a acusação para tornar sua defesa impossível.

As reportagens do site The Intercept, da série #VazaJato, corroboram as ilegalidades cometidas pela força-tarefa.

Portanto, antes do julgamento da prisão em segunda instância, pelo STF, a defesa de Lula pleiteia o exame de um habeas corpus que declara a suspeição do ex-juiz Sérgio Moro. Na prática, ex-presidente quer anular a condenação da 1ª instância.

Paralelamente, é bom esclarecer ao leitor, Lula se recusa ao regime semiaberto porque, segundo ele, seria barganhar sua dignidade pela liberdade oferecida segundo as condições do algoz.

Fonte esmaelmorais
você pode gostar também