Filho de Bruno Covas reage à filiação de Joice Hasselmann ao PSDB: ‘Vergonha’

Deputada concorreu contra Bruno na eleição de 2020; Eduardo Bolsonaro foi outro a comentar filiação

Tempo estimado para leitura: 2 minuto(s)


PSDB anunciou em um evento nesta quinta-feira, 7, que passará a contar com a deputada Joice Hasselmann, ex-PSL, em seus quadros. Ao anunciar a entrada de Hasselmann nas redes, o partido atraiu críticas de Tomás Covas, filho do prefeito falecido de São Paulo Bruno Covas, que reagiu: “Vergonha!”. A postura do jovem de 16 anos foi aplaudida por outros internautas, que elogiaram a coragem de Tomás e discordaram da decisão do partido. Outros comentários na postagem também lamentaram a entrada de Joice, afirmando que o partido cavou o fundo do poço e que estavam decepcionados. O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) ironizou os comentários.

-- Publicidade --

-- Publicidade --

 

Joice começou a carreira política em 2018, quando foi a segunda deputada mais votada do Brasil pelo PSL. Joice era uma grande apoiadora do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e foi líder do governo na Câmara. Posteriormente, veio a romper com ao presidente e com os filhos dele, embora ainda tenha se candidatado à Prefeitura de São Paulo pelo PSL em 2020, quando concorreu contra Bruno Covas. Em um debate, chegou a cantar versinhos criticando o aumento no IPTU realizado pela gestão de Covas. Não passou para o segundo turno, no qual o então prefeito superou Guilherme Boulos (PSOL). Em maio de 2021, Joice deixou o PSL (e estava sem partido até hoje). No ato de filiação, a deputada declarou apoio a João Doria nas prévias presidenciais do partido – o governador de São Paulo disputa a indicação com o gaúcho Eduardo Leite.

Bruno Covas faleceu em maio de 2021 por conta de um câncer. Tomás se filiou ao PSDB em 17 de agosto e, embora ainda não possa se candidatar a cargo públicos por ser menor de idade, carrega o sobrenome de uma das famílias mais tradicionais da política paulista – o bisavô, Mário Covas, foi governador do Estado na década de 1990 e também faleceu de câncer enquanto estava no cargo. Além de Tomás, Eduardo Bolsonaro foi outro a se manifestar sobre a entrada de Joice no PSDB, mas em tom irônico. “Bem-vinda, Peppinha”, disse, com um emoji de risada, ao fazer referência ao personagem de desenho animado Peppa Pig. Hasselmann e Eduardo Bolsonaro trocam farpas constantemente através das redes sociais.

Fonte jovempan
você pode gostar também