Venezuela anuncia reabertura total da fronteira com a Colômbia

Tempo estimado para leitura: 2 minuto(s)


O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou nesta segunda-feira que será reaberta totalmente em 1º de janeiro a fronteira terrestre com a Colômbia, no âmbito de um processo que começou em setembro, com o restabelecimento das relações entre os dois países.

-- Publicidade --

-- Publicidade --

“Posso anunciar que abriremos completamente a fronteira de todo o ocidente da Venezuela com a Colômbia para a passagem de veículos”, anunciou Maduro, em pronunciamento transmitido pelo canal estatal.

Venezuela e Colômbia iniciaram em 26 de setembro um processo para abrir a fronteira terrestre, fechada parcialmente há sete anos e totalmente bloqueada há três anos, quando Maduro rompeu relações, depois que o governo colombiano anterior não reconheceu a sua reeleição.

Assim que chegou ao poder, Gustavo Petro, primeiro presidente de esquerda da Colômbia, procurou retomar o vínculo e promoveu a reabertura das fronteiras.

Atualmente, a Ponte Simón Bolívar, que liga Cúcuta à cidade venezuelana de San Antonio del Táchira, está aberta para veículos de carga entre as 10h e 17h, e para pedestres entre as 5h e 18h.

Os dois países compartilham uma fronteira de mais de 2.200 km atingida pelo narcotráfico, contrabando e por grupos armados, e pela qual o comércio entrou em colapso a partir da ruptura.

A conexão aérea foi retomada parcialmente, com duas linhas entre os dois países e a expectativa de que as rotas sejam ampliadas.

A Venezuela é garante das negociações de paz entre o governo colombiano e a guerrilha ELN, que concluíram hoje a primeira rodada de conversas em Caracas com grandes avanços, segundo Maduro, que também comemorou as “perspectivas de avanço” com o Brasil após a vitória de Lula nas eleições presidenciais.

Fonte istoe
você pode gostar também
×