Dois homens são condenados por tramar sequestro de governadora nos EUA

Tempo estimado para leitura: 1 minuto(s)


Dois homens foram condenados nesta terça-feira (23) nos Estados Unidos por conspirar para sequestrar a governadora do estado do Michigan, a democrata Gretchen Whitmer, devido às duras restrições que impôs pela pandemia de covid-19.

-- Publicidade --

-- Publicidade --

Um júri federal determinou que Adam Fox e Barry Croft são culpados de conspiração para cometer um sequestro e conspiração para usar uma bomba, noticiaram The Detroit News e Detroit Free Press.

Fox e Croft, que enfrentam uma possível pena de perpétua, estão entre os seis supostos militantes de direita presos em outubro de 2020 após uma operação secreta do FBI, polícia federal americana..

Dois acusados, Daniel Harris e Brandon Caserta, foram declarados inocentes em abril após um julgamento de um mês. Outros dois se declararam culpados e testemunharam contra os co-acusados.

Após cinco dias de deliberações sobre os casos de Fox e Croft, supostos líderes da conspiração, o júri não chegou a um veredicto e ambos foram novamente julgados em Grand Rapids, Michigan.

Segundo a acusação, ambos consideravam a governadora uma “tirana” devido às normas que impôs contra a covid-19 e planejaram sequestrá-la e submetê-la a um “julgamento”.

As prisões foram feitas em meio a preocupações com grupos armados de extrema-direita, os quais o FBI acusa de serem a maior ameaça terrorista doméstica nos Estados Unidos.
Fonte istoe
você pode gostar também
×