Bolsonaro convoca ministros para reunião

O presidente Jair Bolsonaro marcou para a manhã desta terça-feira reunião com todos os ministros no Palácio do Planalto

Tempo estimado para leitura: 2 minuto(s)


O presidente Jair Bolsonaro (PL) convocou a equipe ministerial para uma reunião de governo na manhã de terça-feira (5). A reunião será no Palácio do Planalto e deve ser longa. A agenda de todos os ministros foi bloqueada das 8h às 11h.

A expectativa é que um dos temas em discussão seja em torno dos benefícios sociais que podem ser ampliados caso a PEC (proposta de emenda à Constituição) seja aprovada pelo Congresso Nacional.

-- Publicidade --

-- Publicidade --

Blog conversou com técnicos que fazem a avaliação em torno da ampliação do Auxílio Brasil, que pode passar de R$ 400 para R$ 600. Existe hoje cerca de 1,6 milhão de inscrições no programa social. Para receber o Auxílio Brasil, o cidadão faz uma autodeclaração nas prefeituras e o Ministério da Cidadania faz a checagem das informações para verificar quais famílias têm realmente direito ao benefício. A estimativa inicial, já que os números não estão fechados, é que cerca de 10% das inscrições sejam elegíveis e tenham direito ao Auxílio Brasil.

Nas avaliações feitas pelo Ministério da Cidadania são checadas informações como a renda. Muitas vezes os inscritos têm, por exemplo, carros registrados. Podem receber o Auxílio Brasil as famílias que vivem em situação de extrema pobreza ou pobreza, com renda familiar por pessoa de até R$ 210.

O ministro da Cidadania, Ronaldo Vieira, explicou ao Blog que “a gente [governo] está acelerando averiguação para fechar o cadastro das famílias que têm direito ao benefício [Auxílio Brasil] para fazer o pagamento em agosto”. Os números devem ser fechados até o fim do mês pelo Ministério da Cidadania.

Fonte r7
você pode gostar também