Operando com capacidade máxima, HGP passa a receber apenas pacientes em três categorias

Tempo estimado para leitura: 2 minuto(s)


A Secretaria de Estado da Saúde (SES-TO), por meio do Hospital Geral de Palmas (HGP), informou por meio de nota pública que a unidade adotou a partir desse domingo, 14, a medida de receber apenas pacientes com perfil de alta complexidade, quadros graves e pacientes autorizados pelo Núcleo Interno de Regulação (NIR).

Segundo a saúde, tal medida segue as estratégias do “Projeto Lean nas Emergências”, implantado na unidade – desenvolvido pelo Ministério da Saúde (MS) – por meio do “Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional (Proadi)” e do Sistema Único de Saúde (SUS) – executado em parceria com o Hospital Sírio-Libanês.

-- Publicidade --

-- Publicidade --

As medidas objetivam, segundo a pasta, diminuir a superlotação nas emergências, atender com qualidade os pacientes com patologias de alta complexidade, além de prestar serviços de saúde humanitário aos Usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). A SES alega que oHGP, considerado “porta aberta”, é a maior referência de saúde pública do Estado do Tocantins, contudo, por ter recebido e prestado socorro a todos e quaisquer pacientes – que não passaram pelas UPAs ou pelo serviço de regulação – está operando com sua capacidade máxima.

A Secretaria Estadual de Saúde orienta que os casos considerados de baixa e média complexidade devem ser encaminhados às Unidades de Pronto Atendimento (UPAS), Unidades Básicas de Saúde (UBS) e hospitais de pequeno porte. A pasta informa, ainda, que em nenhum momento os usuários que se enquadram no perfil da unidade hospitalar ficaram desassistidos.

Ainda de acordo com a SES, o secretário da pasta, Afonso Piva, esteve acompanhando e coordenando as ações resolutivas quanto a este tema, na nesse domingo, 14, junto com equipe multiprofissional da unidade. “As decisões visam organizar o fluxo de atendimento e oferecer uma melhor assistência à população tocantinense”, ressalta a saúde estadual.

Fonte conexaoto
você pode gostar também