Duque de Caxias, em Taquaruçu, será transformado em Colégio Militar, anuncia Wanderlei Barbosa

Tempo estimado para leitura: 1 minuto(s)


O Colégio Duque de Caxias fará parte do Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares (Pecim), é o que anunciou o vice-governador Wanderlei Barbosa (sem partido) na quarta-feira, 7, em uma reunião com o capitão da Polícia Militar do Tocantins (PMTO), Diego Alexandre Bernardes de Matos, que está cotado para assumir a direção da unidade estadual de ensino localizada em Palmas, no distrito de Taquaruçu.

Aceitação enorme

O programa é uma iniciativa do Ministério da Educação (MEC), em parceria com o Ministério da Defesa, que apresenta um conceito de gestão nas áreas educacional, didático-pedagógica e administrativa com a participação e apoio dos militares. “Esse ensino que é voltado à disciplina militar, tem uma aceitação enorme perante a sociedade, que realmente muda uma realidade local e incentiva muitos alunos a estudar. Então, a implantação do colégio só vem a somar com a comunidade”, defendeu o capitão Diego Bernardes.

Aluno mais focado nos objetivos

Wanderlei Barbosa destacou o empenho na implantação do projeto em Taquaruçu. “Tivemos uma importante sinalização do governo do Estado nesse sentido, onde pretende implantar essa modalidade cívico-militar no Distrito de Taquaruçu, tendo em vista a região não possuir nenhuma escola deste padrão. Um aluno com essa formação com certeza sairá muito mais focado nos seus objetivos”, afirmou o vice-governador.

Fonte clebertoledo
você pode gostar também