Santos x Atlético-MG: qual a provável escalação dos times para o jogo da 30ª rodada do Campeonato Brasileiro?

Tempo estimado para leitura: 3 minuto(s)


Duelo de alvinegros. Santos Atlético-MG se enfrentam nesta quarta-feira (5), na Vila Belmiro, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. Vindo de uma derrota, o Peixe busca se estabelecer na Série A. Já o Atlético-MG conseguiu encerrar o jejum e venceu na rodada passada, mas ainda longe dos líderes.

-- Publicidade --

-- Publicidade --

Provável escalação do Santos contra o Atlético-MG (4-3-3):

GOL: João Paulo – um dos jogadores mais regulares do elenco santista, não ver concorrente à altura para a vaga de titular. Graças a ele o Peixe não faz uma campanha de luta contra o rebaixamento.

LD: Nathan Santos – com a lesão de Madson, o garoto parece ter assumido a titularidade. Ainda é pouco tempo para avaliar, mas até aqui fez bons jogos.

ZAG: Luiz Felipe – o defensor de 29 anos vem sendo o reserva de Maicon, que ainda se recupera de lesão e não tem prazo de retorno.

ZAG: Eduardo Bauermann – efetivo nas ações defensivas, seguro nas coberturas e nos botes. Em escanteios, sempre leva perigo e vem sendo um dos destaques do Santos na temporada.

LE – Felipe Jonatan – após cumprir suspensão diante do Internacional, o lateral-esquerdo retorna à titularidade. Ele fez muita falta na rodada passada.

VOL: Rodrigo Fernández – sem Camacho, suspenso, o uruguaio ganha mais uma chance entre os titulares, após ficar alguns jogos de fora.

MEI: Luan – após marcar diante do Athletico-PR, o meio-campista ganhou mais uma chance entre os titulares contra o Inter, mas não conseguiu evitar a derrota do Peixe.

MEI: Carlos Sánchez – apesar de não estar vivendo sua melhor fase, ele ainda tem a confiança da torcida e, claro, do treinador. Se estiver em um bom dia pode ser decisivo.

ATA: Ângelo – com apenas 17 anos, o jovem mostra muita maturidade. Se espera muito dele, mas ainda oscila e balançou as redes apenas uma vez na temporada.

ATA: Soteldo – o venezuelano ainda busca seu primeiro gol desde seu retorno ao Peixe. Será que dessa vez ele desencanta e volta a dar alegrias ao torcedor?

ATA: Marcos Leonardo – é o homem de referência da equipe, responsável por mandar a bola para dentro das redes. São 17 gols na temporada em 48 jogos, além de quatro assistências.

A provável escalação do Atlético-MG contra o Santos (4-3-3)

GOL: Everson – o goleiro já teve fases melhores, mas ainda segue sendo um dos melhores da posição no futebol brasileiro. Foi decisivo na vitória sobre o Fluminense na rodada anterior.

LD: Mariano – o lateral sentiu a coxa no duelo contra o Flu e teve que ser substituído, virando dúvida para o confronto desta quarta-feira. Porém, se tudo correr bem, ele será o titular, já que acumula partidas bastante regulares.

ZAG: Jemerson – longe de ser unanimidade pelos torcedores do Galo, o zagueiro tem a confiança de Cuca e vem ganhando sequência nos últimos jogos.

ZAG: Júnior Alonso – contestado por alguns torcedores, o paraguaio foi escolhido um dos melhores em campo na vitória contra o Tricolor das Laranjeiras

LE: Rubens – com Arana se recuperando de lesão, a responsabilidade de substituir o lateral da Seleção Brasileira é do garoto da base que vem dando conta do recado.

VOL: Otávio – ele iniciou uma partida pela primeira vez depois que voltou de lesão na última semana e fez um grande jogo. Cuca deve seguir com ele na vaga que era de Jair.

VOL: Allan – mesmo não fazendo uma temporada tão brilhante como em 2021, o volante segue importante para o sistema de jogo do Galo.

MEI: Nacho Fernández – o armador começou no banco contra o Fluminense, mas pode retornar à titularidade devido à ausência de Keno, que cumpre suspensão.

ATA: Matías Zaracho – o argentino caiu de rendimento, assim como todo elenco alvinegro, mas a tendência é que inicie entre os 11.

ATA: Pavón – mesmo longe da sua melhor forma, o habilidoso ponta argentino costuma concentrar os lances mais agudos do Galo.

ATA: Hulk – aos poucos, o camisa 9 vem reencontrando seu bom futebol. Foram dele os dois gols da vitória do Atlético sobre o Flu, encerrando um jejum dentro de casa que vinha incomodando.

Fonte 90min
você pode gostar também
×