Luisa Mell entra com medida protetiva contra o ex-marido, segundo colunista

Gilberto Zaborowsky estaria proibido de chegar a menos de 500 metros de distância da ativista e postar ou comentar em suas redes sociais

Tempo estimado para leitura: 2 minuto(s)


Luísa Mell teria entrando com uma medida protetiva contra o ex-marido, Gilberto Zaborowsky, segundo o colunista Leo Dias. A Justiça teria determinado que o empresário, com quem ela foi casada por dez anos e tem um filho, fosse proibido de chegar a menos de 500 metros de distância da ativista e a ex-sogra, por qualquer meio que seja, e de frequentar locais que façam parte da rotina das duas.

Ele também teria sido proibido de fazer postagens marcando Luísa e seus familiares e de comentar em postagens que sejam feitas por eles. O colunista ainda afirma que a determinação inclui que ele não possa divulgar qualquer vídeo ou foto da ex-mulher, nem acessar contas de e-mail, nuvem de dados, celular e redes sociais de Luisa. As visitas ao filho do casal, Enzo, só poderiam ocorrer na presença de um terceiro, indicado pela ativista.

-- Publicidade --

-- Publicidade --

À Quem, o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo disse que “processos dessa natureza tramitam em segredo de justiça, por isso, não temos informações disponíveis”.

Os dois anunciaram a separação em julho deste ano em meio a rumores de uma suposta infidelidade dele. Depois disso, Luísa se mudou de casa com o filho e contou aos prantos que durante a sedação para um procedimento não invasivo, havia sido operada no final de 2020 para retirada de gordura das axilas sem a sua permissão e conhecimento. O médico teria recebido a aprovação de seu então marido antes de fazer a lipoaspiração.

Procurada por Quem, Luísa não respondeu sobre a veracidade da medida protetiva.

Fonte revistaquem
você pode gostar também