Unitins apresenta projeto de construção do novo campus Dianópolis

Tempo estimado para leitura: 2 minuto(s)


A Universidade Estadual do Tocantins (Unitins) apresenta na próxima quarta-feira, 29 de junho, o projeto de construção do seu novo campus em Dianópolis, região Sudeste do Estado. O evento, que contará com as presenças do governador Wanderlei Barbosa e do reitor Augusto Rezende, acontecerá às 10 horas, na Praça Aurélio Antônio Araújo, Centro do município.

A estrutura própria possibilitará a ampliação de atendimento da universidade, com a expectativa de que passe de 850 alunos matriculados por ano para 1.500 acadêmicos/ano no Campus Dianópolis.

-- Publicidade --

-- Publicidade --

O prédio será erguido em um terreno de 15 mil metros quadrados doado pela prefeitura, com anuência da Câmara de Vereadores. “É um marco para a Unitins em Dianópolis essa construção da sede própria. É um desejo da comunidade acadêmica, que há muitos anos usa estrutura compartilhada, e tem a parte administrativa separada da sala de aula. Então, agora, caminhamos para unificar a partir desse novo complexo educacional que será construído em Dianópolis”, ressalta o reitor Augusto Rezende.

O projeto prevê investimentos de R$ 12 milhões, recursos liberados pelo Governo do Tocantins à Unitins.

O prédio terá quase 6 mil metros quadrados de área construída. Serão quatro blocos com 30 salas de aula, cada uma com capacidade para 42 alunos, além de quatro salas de orientação e atendimento aos acadêmicos, sala dos professores e toda a estrutura administrativa para atender graduação, pesquisa e extensão.

A estrutura contará, ainda, com laboratórios de informática, uma biblioteca com 200 metros quadrados, dentro dos padrões exigidos pelo Conselho Estadual de Educação, um auditório com capacidade para 150 pessoas, rampas de acessibilidade, cantina, pátio coberto e banheiros adaptados. O projeto foi elaborado dentro dos padrões arquitetônicos mais modernos, que priorizam a acessibilidade e a sustentabilidade. A construção tem previsão para ser concluída em até 24 meses.

A diretora do Campus Dianópolis, Ana Felícia Cavalcanti, diz que é uma honra participar do lançamento do projeto de construção da unidade, por ser algo tão desejado pela comunidade do município e região. “A importância desse projeto sair do papel será a realização do sonho de muitos. Com um campus próprio, outros cursos poderão ser implantados, oportunizando um número maior de vagas e, consequentemente, crescimento para a região Sudeste do Tocantins”, arremata.

Fonte conexaoto
você pode gostar também