Sintet processa gestão Cinthia para que professores recebam retroativos das titularidades

Sindicato disse que vem tentando o diálogo, mas sem sucesso.

Tempo estimado para leitura: 1 minuto(s)


O Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins (Sintet) disse que protocolou na última sexta-feira (18) uma ação judicial contra o Município de Palmas para cobrar valores retroativos das titularidades concedidas aos trabalhadores da educação da Rede Municipal de Ensino.

Conforme o sindicato, as progressões foram implementadas tardiamente pela prefeitura gerando valores retroativos que permanecem sem o devido pagamento até agora. A ação judicial foi deliberada em assembleia da categoria.

O Sintet disse que já obteve decisão favorável em ação individual sobre o mesmo assunto, ocasião em que o Poder Judiciário Estadual determinou à prefeitura que promova o pagamento dos valores retroativos.

“O Sindicato vem somando todos os esforços a fim de buscar o diálogo e avanços quanto ao pagamento desse direito junto à Gestão Municipal, contudo, até esta data, ainda não foi apresentada pela Gestão uma proposta de pagamento dos retroativos”, disse o Sintet.

O professor e diretor do Sintet Regional de Palmas, Fábio Lopes, afirmou que a busca pelo diálogo continua. “Acreditamos ser a melhor forma de resolver o embate, mas não podemos protelar mais para que o direito da categoria não prescreva”, disse .

Conforme o Sintet, os professores podem obter mais informações através do contato a regional de Palmas, pelo Celular/WhatsApp (63) 99980-1126.

Fonte afnoticias
você pode gostar também