Infraestrutura recém-construída na região Norte da Capital é alvo de vandalismo

Tempo estimado para leitura: 2 minuto(s)


Danos ao patrimônio público geram prejuízos ao erário e transtornos para toda sociedade e devem ser denunciados às autoridades policiais. Um caso recente aconteceu nesta última quarta-feira, 29, na Avenida NS-06, em Palmas.

Segundo a Secretaria da Infraestrutura e Serviços Públicos (Seisp), um trecho entre as quadras Arne 61 (504 N) e 63 (506 N), que havia recebido meio-fio novo por todo canteiro central neste dia, acabou sendo destruído na mesma noite. A ação de vandalismo resultou na retirada de cerca de 10 metros de meio-fio.

Segundo o corpo técnico da Seisp, os meios-fios são estruturas importantes que servem para delimitação de faixa de rolamento de vias públicas e passeios, assim como direcionam águas pluviais para os pontos de escoamento e drenagem pluvial.

A Seisp lamenta a destruição da benfeitoria, que terá que ser refeita e pede a colaboração da população para que conserve o patrimônio público e denuncie quem danificá-lo ao 190 ou 153.

Ainda de acordo com a pasta, o canteiro central da avenida receberá paisagismo. Vale lembrar ainda que o Código Brasileiro de Trânsito proíbe a utilização de canteiros centrais como estacionamentos. Nestes casos, os condutores ficam sujeitos a multa de R$ 195,23 e o veículo pode ser guinchado.

Vandalismo

Não é a primeira vez que caso semelhante acontece. Em 2019, guias de concreto recém-feitas na Avenida Palmas Brasil Norte também foram destruídas por vândalos. Outro transtorno por má utilização de bem público também favorece a destruição de contêineres distribuídos pela cidade para descarte de lixo doméstico.

Fonte conexaoto
você pode gostar também